Bem vindos ao blog Caminhando com Jesus!
Nossa Senhora da Glória, rogai por nós!

Seguidores de Jesus

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Ser como o girassol


Bom dia, Papai do Céu!
Ontem, em meio à festa das flores,
conheci o girassol. Como ele é lindo!
Vive o dia inteiro buscando a luz.
Acompanha o caminho do sol
sem desviar-se dos seus raios.
Já aprendi que tu és O Sol de nossa vida!
E que todos nós precisamos de sua luz.
Sabe, Senhor, quero ser como o
girassol: caminhar e seguir na tua
direção, desde a manhã até o
anoitecer, para que a tua luz tome
conta de mim.
Amém! 

São Gabriel das Dores

27 de Fevereiro


São Gabriel das Dores Nascido a 1838 em Assis, na Itália, dentro de uma família nobre e religiosa, recebeu o nome de batismo Francisco, em homenagem a São Francisco.

Na juventude andou desviado por muitos caminhos, e era dado a leitura de romances, festas e danças. Por outro lado, o jovem se sentiu chamado a consagrar-se totalmente a Deus, no sacerdócio ministerial. Mas vivia 'um pé lá, outro cá'. Ou seja, nas noitadas e na oração e penitência.

Aos 18 anos, desiludido, desanimado e arrependido, entrou numa procissão onde tinha a imagem de Nossa Senhora. Em meio a tantos toques de Deus, ouviu uma voz serena, a voz da virgem Maria, que dizia que aquele mundo não era para ele, e que Deus o queria na religião.

Obediente a Santíssima Virgem, na fé, entrou para a Congregação dos Padres Passionistas. Ali, na radicalidade ao Evangelho, mudou o nome para Gabriel, e de acordo também com a sua devoção a Nossa Senhora, chamou-se então: Gabriel da Dores.

Antes de entrar para a Congregação, já tinha a saúde fraca, e com apenas 23 anos partiu para a glória, deixando o rastro da radicalidade em Deus.

Em meios as dores, São Gabriel viveu o santo Evangelho.

São Gabriel das Dores, rogai por nós!

Evangelho de domingo:

Evangelho (Mateus 6,24-34)

Domingo, 27 de Fevereiro de 2011
8º Domingo Comum

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 24“Ninguém pode servir a dois senhores; pois, ou odiará um e amará o outro, ou será fiel a um e desprezará o outro. Vós não podeis servir a Deus e ao dinheiro.
25Por isso eu vos digo: não vos preocupeis com a vossa vida, com o que havereis de comer ou beber; nem com o vosso corpo, com o que havereis de vestir. Afinal, a vida não vale mais do que o alimento, e o corpo, mais do que a roupa? 26Olhai os pássaros dos céus: eles não semeiam, não colhem nem ajuntam em armazéns. No entanto, vosso Pai que está nos céus os alimenta. Vós não valeis mais do que os pássaros? 27Quem de vós pode prolongar a duração da própria vida, só pelo fato de se preocupar com isso?
28E por que ficais preocupados com a roupa? Olhai como crescem os lírios do campo: eles não trabalham nem fiam. 29Porém, eu vos digo: nem o rei Salomão, em toda a sua glória, jamais se vestiu como um deles. 30Ora, se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é queimada no forno, não fará ele muito mais por vós, gente de pouca fé?
31Portanto, não vos preocupeis, dizendo: ‘O que vamos comer? O que vamos beber? Como vamos nos vestir? 32Os pagãos é que procuram essas coisas. Vosso Pai, que está nos céus, sabe que precisais de tudo isso.
33Pelo contrário, buscai em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão dadas por acréscimo.
34Portanto, não vos preocupeis com o dia de amanhã, pois o dia de amanhã terá suas preocupações! Para cada dia bastam seus próprios problemas”.

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Mensagem

Amigos...

  Olá a Paz de Cristo!
   Começou as aulas!
     Está um pouco difícil para postar!
       Mas sempre que puder colocarei alguma coisa no blog que eu gosto muito, e sempre que entrar farei uma visitinha nos blogs amigos!
      A catequese aqui na minha paróquia ainda não começou, mas continua na perseverança e ajudarei a minha mãe na catequese.
   
             

                     Estou muito feliz com meu blog e com meus amigos que me visitam também

                                                          Beijos! fiquem com Deus!

Frei Galvão!

  Olá amigos,
 achei umas fotos lindas da imagem de Frei Galvão, aqui no meu computador que tirei quando era pequenininha!





     
                                                            Eu e minha irmã

Saber mudar


Certa vez, duas moscas caíram num copo de leite. A primeira era forte e valente e logo nadou até a borda do copo. Mas, como a superfície era muito lisa e suas asas estavam molhadas, não conseguiu escapar. Acreditando que não havia saída, desanimou, parou de se debater e afundou. Sua companheira, apesar de não ser tão forte, era tenaz; por isso continuou a se debater e a lutar. Aos poucos, com tanta agitação, o leite ao seu redor formou um pequeno nódulo de manteiga, onde ela subiu e conseguiu levantar vôo para longe.
Tempos depois, a mosca tenaz, por um descuido, caiu novamente em um copo, desta vez cheio de água. Imaginando que já conhecia a solução para aquele problema, começou a se debater na esperança de que, no devido tempo, se salvasse. Outra mosca passando por ali e vendo a aflição da outra, pousou na beira do copo e gritou: “-Tem um canudo ali, nade até lá e suba”. A mosca tenaz respondeu: “-Pode deixar que eu sei como resolver esse problema”. E continuou se debatendo, mais e mais, até que, exausta, afundou na água.

Moral da história: soluções do passado, em contextos diferentes, podem se transformar em problemas.
Quantas vezes, baseados em experiências anteriores, deixamos de observar as mudanças ao nosso redor e ficamos lutando inutilmente até afundar em nossa própria falta de visão? Criamos uma confiança equivocada e perdemos a oportunidade de repensar nossas experiências. Ficamos presos a velhos hábitos que nos levaram ao sucesso e perdemos a oportunidade de evoluir…
Os donos do futuro sabem reconhecer essas transformações e fazer as mudanças necessárias para acompanhar a nova situação

Fonte: Mensagens  diárias 

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Seminário Frei Galvão de Guaratinguetá !

  Olá, amigos!
  Domingo dia 13/02 fui passear com a turma da perseverança no Seminário Frei Galvão, participamos da missa e conhecemos mais sobre Frei Galvão o Santo protetor de minha irmã.
  Aqui  estão algumas fotos:

                                                            Esta é a entrada da Capela


                                                      Essa imagem estava na entrada do portão


                                             Tirei Lindas fotos de Nossa Senhora de Fátima






                                                         Nossa como Ela é grande e linda!!


                                                           Olha eu e a Isabely








Olha que foto linda que a Isabely tirou


                                                            



segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Momentos da vida




Ás vezes aparecem em nossas vidas momentos difíceis;
Momentos que tiram as nossas forças, junto de nossa coragem.
Parecem ser momentos muito fortes, momentos incombatíveis…
E muitas vezes nós nos deixamos vencer por estes “momentos”.
Poucas pessoas sabem, que o coração do ser humano,
guarda segredos…
Um de seus segredos, é uma força que combate qualquer momento…
Essa força se chama FÉ!
Ela é imensamente forte…
Ela é a certeza, e o sorriso junto da paz.
Ela é o alimento da alma, o alimento que nos dá força e quando alguém descobre esse segredo que é a FÉ, ela a cultiva, e faz brotar a Felicidade.
Daí pela frente essa FÉ descoberta, percorre pela veias…
E enfim é vivida.
Faça de cada lágrima de dor, uma gotinha de coragem em busca pela felicidade!
E tenha sempre em mente o Amor de Deus.
Deus mora em sua vida não tenha dúvidas, Confie Nele!
Ele não coloca desafios que você não possa enfrentar;
Ele coloca desafios para que você cresça no amor e na vontade de viver…
E que “Momentos” são apenas momentos,
E que a FÉ, é um Segredo Eterno.

Fonte: Mensagens diarias

sábado, 12 de fevereiro de 2011

Gruta de Nossa Senhora de Lourdes em Guaratinguetá !

Olá amigos!
Começaram as aulas!
Estou muito contente porque gosto bastante de estudar
Começou também o Projeto Quero Crescer
na Casa do Coração
Essa Semana participei do Triduo a Nossa Senhora de Lourdes!
Onde teve a missa, oração aos enfermos, e no ultmo dia o teatro, contando a aparição dela em Lourdes.
  Foi muito bonito.Na sexta-feira a missa foi bem em frente da Gruta onde o padre jogou Agua Benta em todos presentes,a minha irmã adora quando joga água nela.Não é que no meio de tantas crianças fui escolhida para levar a Biblia até a Capela, fiquei um pouco nervosa pois não esperava mas consegui entrar,minha mãe disse que é assim mesmo é só pedir pro Espírito Santo nos acalmar.
                          A GRUTA DE NOSSA SENHORA DE LOURDES EM GUARATINGUETÀ
Foi construida por Monsenhor João filipo.Como santo homem de Deus,foi a Lourdes pedir pelo povo brasileiro,pelas irmãs e crianças que viriam para o Orfanato ou Casa do Puríssimo Coraçao de Maria.Ele dirigiu-se à Gruta de Massabielle,onde a Mãe de Deus apareceu e ai rezou ,e colheu daquela fonte surgida por indicação de Nossa Senhora algumas pedras com a intenção de coloca-las aos pés da imagem na Gruta construída por ele,na saida da água.Outras duas colocaria aos pés da Imagem do Puríssimo Coração de Maria,logo que a capela estivesse pronta.E rezou pedindo a Nossa Senhora que abençoasse toda água que por aí passasse, Como Ela abençoa as aguas da Gruta de Lourdes que são instrumento de tantos prodigios e graças.Pediu ainda que Ela abençoasse todas as pessoas que aqui viessem com fé e com devoção apresentando suas necessidades;E que Ela realizasse também aqui as mesmas graças,curas,bençãos,milagres e favores que realiza em Lourdes, na França, 
                             Desde as apariçoes de Nossa Senhora a Santa Bernadete permanece a grande mensagem de Lourdes: amor à Eucaristia,apelo à conversão, e a caridade.A aceitação dos sofrimentos em união com Cristo,por parte dos doentes,a doação constante de tantos jovens aos pobres e sofredores,assistindos-os,as orações intensas,são compreensíveis á luz da Eucaristia,que tem sempre o primeiro lugar em Lourdes.

 Essas fotos são aqui da nossa Gruta
Faça-nos uma visita ! !

Santa Bernadete


                                                               Missa na Gruta


                                                             Entrando na Capela

                                                               Apresentando a Palavra

                                                                     Olha que Gruta linda!

Dentro da Capela


                                                                            Capela!

Santa Eulália

12 de Fevereiro 


Santa Eulália Virgem e mártir, viveu no século III em Barcelona. Educada e muito bem formada pela sua família cristã, desde pequena ela buscou o relacionamento com Deus e a fuga do pecado. Era uma pessoa muito sociável, gostava de brincar com as amigas da mesma idade, mas sempre fugia da vaidade.

Santa Eulália amava Jesus Cristo acima de tudo e O amou em todos os momentos, inclusive na dor. Aconteceu que, por parte do terrível Deocleciano, a perseguição aos cristãos chegou na Espanha. Os pais da santa decidiram viajar para fugir dessa perseguição, mas Eulália foi até o governador a fim de denunciar, com a sua pouca idade, a injustiça que estava sendo cometida contra os cristãos. O governador, diante daquela ousadia, quis que ela apostatasse da fé, ou seja, que adorasse outros deuses para que ficasse livre do sofrimento. No entanto, ela deixou claro que o seu Senhor, o Rei dos reis, o Senhor de todos os dominadores, é Jesus Cristo.

O ódio daquele governador e a maldade contra uma menina, fez com que ela fosse queimada com ferro e fogo, mas, durante tanto sofrimento, o seu testemunho era este: “Agora, vejo em mim as marcas da Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo”.

Para nós, hoje, ela é um exemplo de ousadia. Com pouca idade, com muito amor e uma fé adulta, não renunciou a Jesus em meio ao sofrimento. Ela morreu queimada, mas antes, cheia do fogo de Deus. Por isso, se encontra na glória a interceder por todos nós para que a nossa vida cristã busque, constantemente, a santidade na alegria e na paz, mas também no sofrimento e na perseguição. É momento de reconhecer que a nossa força é o Espírito Santo.

Santa Eulália, rogai por nós!

Evangelho do dia

Evangelho (Marcos 8,1-10)

Sábado, 12 de Fevereiro de 2011
5ª Semana Comum

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.

1Naqueles dias, havia de novo uma grande multidão e não tinha o que comer. Jesus chamou os discípulos e disse: 2“Tenho compaixão dessa multidão, porque já faz três dias que está comigo e não têm nada para comer. 3Se eu os mandar para casa sem comer, vão desmaiar pelo caminho, porque muitos deles vieram de longe”.
4Os discípulos disseram: “Como poderia alguém saciá-los de pão aqui no deserto?” 5Jesus perguntou-lhes: “Quantos pães tendes?” Eles responderam: “Sete”.
6Jesus mandou que a multidão se sentasse no chão. Depois, pegou os sete pães, e deu graças, partiu-os e ia dando aos seus discípulos, para que o distribuíssem. E eles os distribuíram ao povo.
7Tinham também alguns peixinhos. Depois de pronunciar a bênção sobre eles, mandou que os distribuíssem também. 8Comeram e ficaram satisfeitos, e recolheram sete cestos com os pedaços que sobraram. 9Eram quatro mil, mais ou menos. E Jesus os despediu. 10Subindo logo na barca com seus discípulos, Jesus foi para a região de Dalmanuta.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Nossa Senhora de Lourdes

Foi no ano de 1858 que a Virgem Santíssima apareceu, nas cercanias de Lourdes, França, na gruta Massabielle, a uma jovem chamada Santa Marie-Bernard Soubirous ou Santa Bernadete. Essa santa deixou por escrito um testemunho que entrou para o ofício das leituras do dia de hoje.

“Certo dia, fui com duas meninas às margens do Rio Gave buscar lenha. Ouvi um barulho, voltei-me para o prado, mas não vi movimento nas árvores. Levantei a cabeça e olhei para a gruta. Vi, então, uma senhora vestida de branco; tinha um vestido alvo com uma faixa azul celeste na cintura e uma rosa de ouro em cada pé, da cor do rosário que trazia com ela. Somente na terceira vez, a Senhora me falou e perguntou-me se eu queria voltar ali durante quinze dias. Durante quinze dias lá voltei e a Senhora apareceu-me todos os dias, com exceção de uma segunda e uma sexta-feira. Repetiu-me, vária vezes, que dissesse aos sacerdotes para construir, ali, uma capela. Ela mandava que fosse à fonte para lavar-me e que rezasse pela conversão dos pecadores. Muitas e muitas vezes perguntei-lhe quem era, mas ela apenas sorria com bondade. Finalmente, com braços e olhos erguidos para o céu, disse-me que era a Imaculada Conceição”.

Maria, a intercessora, modelo da Igreja, imaculada, concebida sem pecado. Mas em virtude dos méritos de Cristo Jesus, Nossa Senhora, nessa aparição, pediu o essencial para a nossa felicidade: a conversão para os pecadores. Ela pediu que rezássemos pela conversão deles com oração, conversão, penitência.

Isso aconteceu após 4 anos da proclamação do dogma da Imaculada Conceição. Deus quis e sua Providência Santíssima também demonstrou, dessa forma, a infalibilidade da Igreja. Que chancela do céu essa aparição da Virgem Maria em Lourdes! E os sinais, os milagres que aconteceram e continuam a acontecer naquele local.

Lá, onde as multidões afluem, o clero e vários papas lá estiveram. Agora, temos a graça de ter o Papa Bento XVI para nos alertar sobre este chamado.

Nossa Senhora de Lourdes, rogai por nós!

Evangelho do dia

Evangelho (Marcos 7,31-37)

Sexta-Feira, 11 de Fevereiro de 2011
Nossa Senhora Lourdes

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 31Jesus saiu de novo da região de Tiro, passou por Sidônia e continuou até o mar da Galileia, atravessando a região da Decápole. 32Trouxeram então um homem surdo, que falava com dificuldade, e pediram que Jesus lhe impusesse a mão. 33Jesus afastou-se com o homem, para fora da multidão; em seguida, colocou os dedos nos seus ouvidos, cuspiu e com a saliva tocou a língua dele. 34Olhando para o céu, suspirou e disse: “Efatá!”, que quer dizer: “Abre-te!” 35Imediatamente seus ouvidos se abriram, sua língua se soltou e ele começou a falar sem dificuldade.
36Jesus recomendou com insistência que não contassem a ninguém. Mas, quanto mais ele recomendava, mais eles divulgavam. 37Muito impressionados, diziam: “Ele tem feito bem todas as coisas: Aos surdos faz ouvir e aos mudos falar”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Mais um selinho ! !

Olá!,
Hoje eu ganhei um selinho de minha amiga Sú do Pãozinho do Céu
Me senti muito feliz pois ela falou que tinha se inspirado em mim.
Obrigada Sú

 Amei Amei Amei ! ! ! 

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

O maior presente de Deus




Nunca diga que algo é impossível. As coisas são no máximo improváveis
Mas nunca são impossíveis. Nunca desista antes de tentar
E, se você se arrepender de algo, não se arrependa do que você fez.

E sim do que você deixou de fazer, porque tentar e errar,
é ao menos aprender.

Enquanto nem mesmo tentar, é desperdício.

Não desperdice nenhuma chance de sua vida.

Afinal a sorte não bate todo dia à sua porta.

Tenha discernimento para saber o que é certo e o que é errado.

Tenha sua própria cabeça.

Não se deixe influenciar, mas saiba ouvir sempre a opinião dos outros.

Saiba admitir seus erros. Seja humilde e sempre fiel a Deus. Você é um dos soldados Dele e está aqui em busca da felicidade.

Da sua e da dos outros. Procure-a, ela está dentro de você! E você com certeza a merece! Corra atrás de seus sonhos, porque sem eles não
chegamos a lugar nenhum.

Não se conforme. Vá atrás do que você quer. Lute!

A vida é bela e as esperanças nunca devem se acabar.

Assim como também não se deve acabar o amor que existe dentro de nós.

Saiba sobreviver às tristezas, saiba se erguer após cada queda. E saiba amar sem medo. Pois o medo não nos traz nada, apenas leva . . .

Saiba se entregar por inteiro. Abaixar todos os escudos e dizer:

Eu me rendo! Ame de corpo e alma.

Mesmo que depois, esse amor se acabe.

Aproveite cada momento. Cada segundo do seu viver, pois, é como dizem:
No fim, o que conta, não são os anos de sua vida.

E sim, a vida em seus anos.

Não deixe morrer esse anjo que há dentro de você.

Esse anjo chamado amor
Esse anjo que dá toda luz necessária para a nossa vida. Deixe ele livre para reinar em seu coração, pois só assim seu espírito.

Continuara livre do mal. E, se você tiver a sua alma protegida por esse anjo, nada de ruim vai lhe tocar. . .

Pois você estará sempre ao lado de Deus.

Não tenho ódio por ninguém, mesmo que desejem o pior a você,
pois se você tiver ódio, seu escudo cai.

E aí sim, poderão lhe atingir.

Tenha apenas pena dessas pessoas,
pois elas mataram o anjo que existiam em seus interiores.

E se esqueceram que somos todos iguais, filhos de Deus, e que merecemos
respeito, carinho, amor e felicidade.

Toda vez que você passar por algum momento difícil,
erga sua cabeça, olhe para o céu e diga:
O Senhor está comigo e vai me ajudar! Porque essa é a realidade, Ele sempre estará nos ajudando, só que as vezes ficamos
surdos a sua ajuda e não percebemos o quanto Ele nos ama.

Chegamos até o ponto de pensar que
Ele nos abandonou, quando na verdade, nós
que O abandonamos.

Ore e agradeça,
pois Ele nos deu o maior presente de todos:

A VIDA !

sábado, 5 de fevereiro de 2011

Bondade de quem ama



Quem é bom, suporta a ofensa…
Quem ama, esquece-a;
Quem é bom, compadece-se do próximo…
Quem ama, ajuda-o;
Quem é bom, começa e acaba…
Quem ama, começa para nunca mais acabar;
Quem é bom, sorri…
Quem ama, faz sorrir;
Quem é bom, ajuda quando está perto…
Quem ama, sempre está perto para ajudar;
Quem é bom, não condena…
Quem ama, recebe o condenado;
Quem é bom, não faz mal a ninguém…
Quem ama, faz o bem a quem lhe faz o mal;
Quem é bom, desce até os outros…
Quem ama, faz os outros subirem;
Quem é bom, sobe conosco ao calvário…
Quem ama, fica por nós na cruz.

Santa Águeda

5 de Fevereiro


Santa Águeda Virgem e mártir, Santa Águeda nasceu no século III numa família muito conhecida, em Catânia, na Sicília. Muito cedo, ela discerniu um chamado a Deus consagrando a sua virgindade ao Senhor, seu amado e esposo. A grande santa italiana foi uma jovem de muita coragem vivendo o Santo Evangelho na radicalidade num tempo em que o imperador Décio levantou contra o Cristianismo uma forte perseguição. Aqueles que não renunciassem ao senhorio de Cristo e não O desprezassem eram punidos com muitos sofrimentos até a morte.

Santa Águeda era consagrada ao Senhor, amava a Deus, mas foi pedida em casamento por um outro jovem. Claro, por coerência e por vocação, ela disse 'não'. Esse jovem, que dizia amá-la, a denunciou às autoridades. Ela foi presa e injustamente condenada. Que terríveis sofrimentos e humilhações!

Ela sempre se expressava com muita transparência e dizia que pertencia a uma família nobre, rica, conhecida, mas tinha honra de servir a Nosso Senhor, o seu Deus. De fato, para os santos, a maior honra e a maior glória é servir ao Senhor.

Entregaram-na a uma mulher tomada pelo pecado, uma velha prostituta para pervertê-la, mas esta não conseguiu, pois o reinado de Cristo se dava no coração de Águeda antes de tudo. Então, novamente, como num gesto de falsa misericórdia, perguntaram-lhe: “Então, o que você escolheu, Águeda, para a salvação?”. “A minha salvação é Cristo”, ela respondeu.

Os santos passaram por muitas dificuldades, mas, em tudo, demonstraram para nós que é possível glorificar a Deus na alegria, na tristeza, na saúde, na dor.

Em 254 foi martirizada e se encontra na eternidade, com seu esposo, Jesus Cristo, a interceder por nós.

Santa Águeda, rogai por nós.

Evangelho do dia

Evangelho (Marcos 6,30-34)

Sábado, 5 de Fevereiro de 2011
Santa Águeda

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 30os apóstolos reuniram-se com Jesus e contaram tudo o que haviam feito e ensinado. 31Ele lhes disse: “Vinde sozinhos para um lugar deserto, e descansai um pouco”. Havia, de fato, tanta gente chegando e saindo que não tinham tempo nem para comer. 32Então foram sozinhos, de barco, para um lugar deserto e afastado. 33Muitos os viram partir e reconheceram que eram eles. Saindo de todas as cidades, correram a pé, e chegaram lá antes deles.
34Ao desembarcar, Jesus viu uma numerosa multidão e teve compaixão, porque eram como ovelhas sem pastor. Começou, pois, a ensinar-lhes muitas coisas.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Meu pai viu o Papa!

           Lembra quando o Papa veio para o Brasil? Passou na minha cidade! Perto da minha casa!
video
                       
                                                             Esse foi em Aparecida.

O tempo e o eterno


A suave luz da manhã anuncia mais um dia que se inicia.
A cada novo amanhecer, por que acordamos?…
De batalha em batalha, a vida vamos levando.
Mais um dia de batalhas: emocionais, financeiras, profissionais, acadêmicas, intelectuais…
Há quem diga que o que nos faz acordar e enfrentar mais um dia é a esperança da felicidade.
Felicidade – esta palavra tão usada, mas tão difícil de definir.
O que vem a ser a Felicidade, onde haveremos de encontrá-la?
“Felizes são aqueles que levam consigo uma parte das dores do mundo. Durante a longa caminhada, eles saberão mais coisas sobre a felicidade do que aqueles que a evitam.”
E o que significa “levar consigo uma parte das dores do mundo”?
Compaixão, significa ser mais sensível ao outro; à dor do outro, à alegria do outro.
Nos tempos atuais, onde as pessoas estão cada vez mais materialistas, “compaixão” é um termo em desuso…
Nas conversas diárias, impera a individualidade:
“O meu salário.”
“O meu próximo carro.”
“O novo toque do meu moderno celular.”
“O roteiro de férias da minha família”…
E ao nos cegarmos para a compaixão, nos afastamos na mesma medida da verdadeira felicidade.
É na Caridade que se encontra a materialização da Compaixão.
É na Caridade que se realiza o prometido encontro com o nosso Criador, pois Ele marcou
o encontro onde nos parece mais contraditório: no oprimido, no sedento, no faminto e no nu.
Portanto, naqueles que não contam para os critérios dominantes da sociedade.
Naqueles que o sistema considera nulos, pois praticamente não produzem nada, e quase nada consomem, Deus quis reconhecer Sua existência.
Ele os chama de “Meus irmãos e Minhas irmãs menores” e diz:
“Quem os recebe a Mim recebe, quem os rejeita a Mim rejeita.”
Partilhar bens e dons materiais e espirituais.
Procurar a elevação espiritual, progredindo em virtudes e boas ações.
Ascender, um degrau que seja, todo dia, em direção à nossa Bem-aventurança.
Preservar o coração de todas as sugestões ou impulsos diversos que o desencaminham da Pureza e do Silêncio necessários ao estabelecimento nele da Presença Divina.
Renascer a cada dia, aperfeiçoando a essência que em nós habita.
E acima de tudo se deve guardar e cuidar da criança que existe dentro de cada um de nós.

São João de Brito

4 de Fevereiro


São João de Brito Nasceu em Lisboa, Portugal, no ano de 1647. Seu pai, Salvador Pereira de Brito; sua mãe, D. Brites Pereira. No ano de 1640, seu pai foi enviado pelo rei Dom João IV para ser governador no Brasil, lugar onde faleceu. São João de Brito, com sua mãe e seus irmãos, ficaram na corte. Desde cedo, São João dava testemunho da busca de viver em Deus.

Com sua saúde fragilizada, certa vez os médicos chegaram a perder as esperanças, mas sua mãe, voltando-se para o céu em oração e intercessão, fez também uma promessa a São Francisco Xavier e o pequeno João recobrou a saúde milagrosamente.

São João passou um ano com uma batina, pois isso fazia parte do cumprimento da promessa; mais do que isso, Deus foi trabalhando a vocação em seu coração até que, com 15 anos apenas, ele entrou para a Companhia de Jesus.

Em 1673, foi ordenado sacerdote e enviado para evangelizar na Índia. Viveu em Goa, depois no Sul da Índia, onde aprofundou-se nos estudos e todo aquele lugar, toda aquela região conheceu o ardor deste apóstolo.

Homem que comunicava o Evangelho com a vida, ele buscava viver a inculturação para que muitos se rendessem ao amor de Deus num diálogo constante com as culturas, o que não quer dizer que sempre encontrou acolhimento.

Junto aos povos de Maravá, ele evangelizou e muitos foram batizados; mas, ao retornar desta missão, ele e outros catequistas acabaram sendo presos por soldados pagãos e anticristãos e fizeram de tudo para que este sacerdote santo renunciasse a fé, mas ele renunciou a própria vida e estava aberto para o martírio se fosse preciso. O rei chegou a condená-lo, mas um príncipe quis ouvir a doutrina que ele espalhava e muitos mudavam de vida, abandonavam os deuses e a conclusão daquele príncipe pagão era de que aquela doutrina era justa e santa. São João foi libertado junto com os outros.

Não demorou muito, por obediência, voltou para Portugal, mas o seu coração queria, de novo, retornar para a Índia e até mesmo ser mártir. Foi o que aconteceu.

Passado um tempo, após dar seu testemunho em vários colégios dos jesuítas, ser sinal para Portugal do quanto o amor a Cristo e à Igreja não pode ter medidas. Retornando à Índia, novamente evangelizando em Maravá, foi preso. Desta vez, até um príncipe pagão chegou a se converter. Mas o rei se revoltou, mandou prender aquele padre. No ano de 1693, ele foi degolado. Sofreu muito antes disso, mas tudo ofereceu por amor a Cristo e pela salvação das almas.

São João de Brito, modelo para todos nós de que o amor a Cristo, à Igreja e a salvação das almas não pode ter medidas.

São João de Brito, rogai por nós!

Evangelho do dia

Evangelho (Marcos 6,14-29)

Sexta-Feira, 4 de Fevereiro de 2011
4ª Semana Comum



— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 14o rei Herodes ouviu falar de Jesus, cujo nome se tinha tornado muito conhecido. Alguns diziam: “João Batista ressuscitou dos mortos. Por isso os poderes agem nesse homem”. 15Outros diziam: “É Elias”. Outros ainda diziam: “É um profeta como um dos profetas”.
16Ouvindo isto, Herodes disse: “Ele é João Batista. Eu mandei cortar a cabeça dele, mas ele ressuscitou!” 17Herodes tinha mandado prender João, e colocá-lo acorrentado na prisão. Fez isso por causa de Herodíades, mulher do seu irmão Filipe, com quem se tinha casado.
18João dizia a Herodes: “Não te é permitido ficar com a mulher do teu irmão”. 19Por isso Hero­díades o odiava e queria matá-lo, mas não podia. 20Com efeito, Herodes tinha medo de João, pois sabia que ele era justo e santo, e por isso o protegia. Gostava de ouvi-lo, embora ficasse embaraçado quando o escutava.
21Finalmente, chegou o dia oportuno. Era o aniversário de Herodes, e ele fez um grande banquete para os grandes da corte, os oficiais e os cidadãos importantes da Galileia. 22A filha de Herodíades entrou e dançou, agradando a Herodes e seus convidados. Então o rei disse à moça: “Pede-me o que quiseres e eu te darei”. 23E lhe jurou dizendo: “Eu te darei qualquer coisa que me pedires, ainda que seja a metade do meu reino”.
24Ela saiu e perguntou à mãe: “Que vou pedir?” A mãe respondeu: “A cabeça de João Batista”. 25E, voltando depressa para junto do rei, pediu: “Quero que me dês agora, num prato, a cabeça de João Batista”.
26O rei ficou muito triste, mas não pôde recusar. Ele tinha feito o juramento diante dos convidados. 27Imediatamente, o rei mandou que um soldado fosse buscar a cabeça de João. O soldado saiu, degolou-o na prisão, 28trouxe a cabeça num prato e a deu à moça. Ela a entregou à sua mãe. 29Ao saberem disso, os discípulos de João foram lá, levaram o cadáver e o sepultaram.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Mais um selinho ! !


        
 
1º) Postar o Link de quem te presenteou.
 Quem me presenteou foi 
http://wwwcatequese-ivani.blogspot.com/
 
 
2º) Deixar uma passagem da Bíblia que retrata por que você é o 13º Discípulo.''51 Eu sou o pão vivo que desceu do céu. Quem comer deste pão viverá eternamente. E o pão, que eu hei de dar, é a minha carne para a salvação do mundo.''


3º) Passar para pessoas com Fé e que acreditam que podem fazer a diferença.
 Quero repassar este selinho para:
 
 Pãozinho do céu- da minha amiga Sú
 
 Blog Formiguinha- da minha amiga Isabella
 
 blog do catequista roberto - do meu amigo Roberto
 
Jardim da fé- da minha amiga Cristiane
 
Aguas profundas- do meu amigo José Jesus Prado

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Marcas do coração

Onde quer que nossas mãos toquem, lá deixamos nossas impressões digitais.
Em paredes, em móveis, em maçanetas, em pratos e em livros.
Marcas, mostrando que lá estivemos!
Peço Senhor, por favor, onde quer que hoje eu vá.
Ajude-me a deixar apenas marcas do coração.
Marcas de compaixão, compreensão e amor.
Marcas de bondade e interesse genuíno.
Sairei hoje, para deixar marcas do coração.
E se alguém disser. Eu senti seu toque!
Na verdade terá sentido o Seu toque amável, Senhor, através de mim!
Tomara que meu coração deixe marcas…
… em meu vizinho solitário, com um sorriso.
… uma mãe preocupada, com paz.
… uma criança desamparada, com segurança.
… uma pessoa desabrigada, com calor.
… e meus amigos, com amor!


Oi meus amigos achei essa mensagem no blog Mensagens diarias ,lá tem muito mais!!! Faça uma visitinha!

São Cornélio

2 de Fevereiro 


São Cornélio Encontramos, nos Atos dos Apóstolos, este exemplo de entrega. No capítulo 10, nós assim ouvimos da Palavra de Deus: “Havia em Cesareia um homem por nome Cornélio. Centurião da corte que se chamava Itálica, era religioso; ele e todos de sua casa eram tementes a Deus. Dava muitas esmolas ao povo e orava constantemente” (At 10,1-2).

Diante dessa espiritualidade que Cornélio possuía, Deus o visitou por meio de um anjo, que lhe indicou São Pedro. Este, que também teve uma visão, foi à casa de Cornélio. Foi aí que aconteceu a abertura da Igreja para a evangelização dos pagãos, dos estrangeiros. No outro dia, Pedro chegou em Cesareia. Cornélio o estava esperando, tendo convidado seus parentes e amigos mais íntimos.

Não somente ele queria encontrar-se com o Senhor, como também queria o mesmo para todos os seus parentes e amigos. Cornélio ouviu da boca do primeiro Papa da Igreja: “Deus me mostrou que nenhum homem deve ser considerado profano ou impuro” (At 10,28). Assim, São Pedro começou a evangelizar e, de repente, no versículo 44: “Estando Pedro, ainda a falar, o Espírito Santo desceu sobre todos que ouviam a (santa) Palavra. Os fiéis da circuncisão, que tinham vindo com Pedro, profundamente se admiraram vendo que o dom do Espírito Santo era derramado também sobre os pagãos; pois eles os ouviam falar em outras línguas e glorificar a Deus. Então Pedro tomou a palavra: 'Porventura pode-se negar a água do batismo a estes que receberam o Espírito Santo como nós? E mandou que fossem batizados em nome de Jesus Cristo. Rogaram-lhe então que ficasse com eles por alguns dias” (At 10,44-48).

São Cornélio tornou-se o primeiro bispo em Cesareia. Homem religioso e de oração, Deus pôde contar com ele para a maravilhosa obra que chega até nós nos dias de hoje. Pela docilidade de muitos, como São Cornélio, o Santo Evangelho se faz presente em nosso meio.

Peçamos a intercessão de São Cornélio para que busquemos cada vez mais o Senhor.

São Cornélio, rogai por nós!

Evangelho do dia

Evangelho (Lucas 2,22-40)

Quarta-Feira, 2 de Fevereiro de 2011
Apresentação do Senhor



— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

22Quando se completaram os dias para a purificação da mãe e do filho, conforme a lei de Moisés, Maria e José levaram Jesus a Jerusalém, a fim de apresentá-lo ao Senhor. 23Conforme está escrito na lei do Senhor: “Todo primogênito do sexo masculino deve ser consagrado ao Senhor”.
24Foram também oferecer o sacrifício — um par de rolas ou dois pombinhos — como está ordenado na Lei do Senhor. 25Em Jerusalém, havia um homem chamado Simeão, o qual era justo e piedoso, e esperava a consolação do povo de Israel. O Espírito Santo estava com ele 26e lhe havia anunciado que não morreria antes de ver o Messias que vem do Senhor.
27Movido pelo Espírito, Simeão veio ao Templo. Quando os pais trouxeram o menino Jesus para cumprir o que a Lei ordenava, 28Simeão tomou o menino nos braços e bendisse a Deus: 29“Agora, Senhor, conforme a tua promessa, podes deixar teu servo partir em paz; 30porque meus olhos viram a tua salvação, 31que preparaste diante de todos os povos: 32luz para iluminar as nações e glória do teu povo Israel”.
33O pai e a mãe de Jesus estavam admirados com o que diziam a respeito dele. 34Simeão os abençoou e disse a Maria, a mãe de Jesus: “Este menino vai ser causa tanto de queda como de reerguimento para muitos em Israel. Ele será um sinal de contradição. 35Assim serão revelados os pensamentos de muitos corações. Quanto a ti, uma espada te traspassará a alma”.
36Havia também uma pro­fe­tisa, chamada Ana, filha de Fanuel, da tribo de Aser. Era de idade muito avançada; quando jovem, tinha sido casada e vivera sete anos com o marido. 37Depois ficara viúva, e agora já estava com oitenta e quatro anos. Não saía do Templo, dia e noite servindo a Deus com jejuns e orações. 38Ana chegou nesse momento e pôs-se a louvar a Deus e a falar do menino a todos os que esperavam a libertação de Jerusalém.
39Depois de cumprirem tudo, conforme a Lei do Senhor, voltaram à Galileia, para Nazaré, sua cidade. 40O menino crescia e tornava-se forte, cheio de sabedoria; e a graça de Deus estava com ele.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor!

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Santa Veridiana

1 de Fevereiro



Santa Veridiana Nasceu em Florença, em 1182, numa família nobre que respeitava as opções de Veridiana com relação a Deus. Ela trabalhou com um tio comerciante e o ajudou a administrar seus negócios, mas percebeu que sua vocação era muito mais do que administrar; era deixar que o próprio Deus cuidasse dela e de sua história.

Jovem de oração, de penitência e contemplação, priorizou a vontade do Senhor, por isso chegou a um ponto em que deixou tudo para seguir a vontade de Deus, trabalhando e servindo-O por meio dos pobres e peregrinos.

Na época em que administrava o comércio do tio, já ajudava os pobres. Mas, agora, ela se doava para os seus irmãos mais necessitados. Ficou gravemente ferida, quando, ao fazer uma peregrinação pelos túmulos de São Pedro e São Paulo, foi a pé e descalça pedindo esmolas. Santa Veridiana ofereceu todos esses seus sacrifícios pela conversão das pessoas.

Uma mulher possuída pelo Espírito Santo, foi dócil à vontade de Deus e viveu o restante de sua vida acamada, enferma, oferecendo-se ao Senhor, aconselhando muitas pessoas e intercedendo por todos. Seus alimentos eram pão e água.

Mulher penitente e feliz, viveu até os 60 anos de idade consumindo-se de amor a Deus para o bem dos irmãos.

Santa Veridiana, neste tempo marcado pelo hedonismo e pela busca desenfreada por prazeres, nos aponta, denuncia que não é este o caminho da felicidade, mas apenas um: Nosso Senhor Jesus Cristo.

Peça a intercessão dessa santa para que todos possam, na oração, na penitência, na doação ao irmão, encontrarmos a verdadeira felicidade.

Santa Veridiana, rogai por nós!

Evangelho do dia

Evangelho (Marcos 5,21-43)

Terça-Feira, 1 de Fevereiro de 2011
4ª Semana Comum

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 21Jesus atravessou de novo, numa barca, para a outra margem. Uma numerosa multidão se reuniu junto dele, e Jesus ficou na praia. 22Aproximou-se, então, um dos chefes da sinagoga, chamado Jairo. Quando viu Jesus, caiu a seus pés, 23e pediu com insistência: “Minha filhinha está nas últimas. Vem e põe as mãos sobre ela, para que ela sare e viva!”
24Jesus então o acompanhou. Numerosa multidão o seguia e comprimia. 25Ora, achava-se ali uma mulher que, há doze anos, estava com hemorragia; 26tinha sofrido nas mãos de muitos médicos, gastou tudo o que possuía, e, em vez de melhorar, piorava cada vez mais.
27Tendo ouvido falar de Jesus, aproximou-se dele por detrás, no meio da multidão, e tocou na sua roupa. 28Ela pensava: “Se eu ao menos tocar na roupa dele, ficarei curada”. 29A hemorragia parou imediatamente, e a mulher sentiu dentro de si que estava curada da doença. 30Jesus logo percebeu que uma força tinha saído dele. E, voltando-se no meio da multidão, perguntou: “Quem tocou na minha roupa?” 31Os discípulos disseram: “Estás vendo a multidão que te comprime e ainda perguntas: ‘Quem me tocou’?”
32Ele, porém, olhava ao redor para ver quem havia feito aquilo. 33A mulher, cheia de medo e tremendo, percebendo o que lhe havia acontecido, veio e caiu aos pés de Jesus, e contou-lhe toda a verdade. 34Ele lhe disse: “Filha, a tua fé te curou. Vai em paz e fica curada dessa doença”.
35Ele estava ainda falando, quando chegaram alguns da casa do chefe da sinagoga, e disseram a Jairo: “Tua filha morreu. Por que ainda incomodar o mestre?” 36Jesus ouviu a notícia e disse ao chefe da sinagoga: “Não tenhas medo. Basta ter fé!” 37E não deixou que ninguém o acompanhasse, a não ser Pedro, Tiago e seu irmão João. 38Quando chegaram à casa do chefe da sinagoga, Jesus viu a confusão e como estavam chorando e gritando.
39Então, ele entrou e disse: “Por que essa confusão e esse choro? A criança não morreu, mas está dormindo”. 40Começaram então a caçoar dele. Mas, ele mandou que todos saíssem, menos o pai e a mãe da menina, e os três discípulos que o acompanhavam. Depois entraram no quarto onde estava a criança. 41Jesus pegou na mão da menina e disse: “Talitá cum” — que quer dizer: “Menina, levanta-te!” 42Ela levantou-se imediatamente e começou a andar, pois tinha doze anos. E todos ficaram admirados. 43Ele recomendou com insistência que ninguém ficasse sabendo daquilo. E mandou dar de comer à menina.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.